Gafas não é plural de gafe



Fui ao oculista (oftalmologista, se preferir). Cheguei aos trinta anos, na minha teoria existencial, na metade de minha curta vida. Quando tirei minha habilitação de motorista o individuo do médico já havia comentado isso. Faz uns quatro anos.
Não deu outra, o doutor falou que eu estava quase cego do olho direito e que, além disso, sofria de astigmatismo. Terei que usar óculos. Passou ainda um colírio pois, segundo ele, eu era acometido por uma alergia que afetava os olhos.
Psicologicamente ou não, hoje amanheci com os olhos irritados. Fui até a gaveta onde estão todos os remédios. Todos os "frasquinhos" eram iguais. Algumas nomenclaturas eu conhecia. Esse é para febre, esse para dor, aquele é para ferimentos...Êpa! Solução otológica... Deve ser este aqui! Coloquei duas gotas no olho direito. Nunca senti tanta dor.
Associei solução a colírio e otológica a olho. Santa burrice, a palavra otológica, depois da dor, descubri que é para dor de ouvido. Buscava era uma solução oftálmica (para os olhos) que estava no meu quarto.
Como quase ficava cego neste Natal, vamos ao espanhol:
  • Oculista é oculista ou oftalmólogo.
  • Olho é ojo.
  • A expressão "quatro olhos" existe por lá também: cuatro ojos, (a menudo se emplea en tono despectivo ) se dice de quien lleva gafas (óculos).
  • Óculos é um pouco diferente: gafas, em espanhol.
  • Não confunda "gafas" com gafe (o que cometi). Gafe, em espanhol, é gafe mesmo!
  • Ah! Otológico e oftálmico também existem em espanhol. Igual ao português. Não tinha salvação para mim não importava o lugar.








Postado na(s) categoria(s) . Link da postagem clique aqui.

Deixe um comentário

Guia Prático de Espanhol (Maurício Silva) / CC BY-NC 3.0
.
El contenido de este blog dedicado al idioma español remite a diversas fuentes. Si le apetece retirar cualquier cosa que le pertenezca no dude en hacérmelo saber.